Ouvidoria Feminina da UFOP é homenageada pela Câmara Municipal de Ouro Preto

Mulheres da comunidade de Ouro Preto e região, além de pessoas LGBTQIAPN+, também podem contar com a assistência do projeto.

Home » Ouvidoria Feminina da UFOP é homenageada pela Câmara Municipal de Ouro Preto
Por Assessoria de Comunicação Institucional - Universidade Federal de Ouro Preto Publicado em 26/02/2024, 14:57 - Atualizado em 26/02/2024, 14:58
ouvidoria-feminina-ufop-homenagem-cmop
Foto — Câmara Municipal de Ouro Preto. Crédito — Reprodução. Siga no Google News

A Ouvidoria Feminina vai receber a Medalha Mérito Educacional, concedida pela Câmara Municipal de Ouro Preto, em solenidade a ser realizada em 15 de março. A homenagem, proposta pela vereadora Lilian França, atribui mérito a órgãos e entidades ouro-pretanos em reconhecimento aos relevantes serviços prestados em prol da educação no município.

A coordenadora do projeto de extensão Ouvidoria Feminina, Natália de Souza Lisbôa, destaca a importância do reconhecimento. "O recebimento da homenagem é muito importante para a Ouvidoria Feminina, pois é um reconhecimento aos serviços prestados em prol da educação no município de Ouro Preto. Como projeto de extensão, atendemos as cidadãs ouro-pretanas e tentamos construir, de forma conjunta com outras entidades municipais, políticas públicas que possam contribuir para a real diminuição da violência contra a mulher. Dessa forma, a partir do espaço de pesquisa e ciência, esse reconhecimento fortalece muito o projeto e nos inspira, cada vez mais, a seguir sendo uma equipe que realiza o acolhimento a mulheres em situação de violência e as auxilia nos encaminhamentos jurídicos possíveis", afirma.

O projeto de extensão Ouvidoria Feminina é responsável por acolher mulheres da universidade em situação de violência, encaminhando-as para a Ouvidoria da UFOP por meio do portal Fala Br, em que a Ouvidora Adjunta, Flávia Souza Máximo Pereira, é responsável pelo tratamento da manifestação. A atuação do projeto de extensão Ouvidoria Feminina, no entanto, não se restringe ao âmbito da UFOP. Mulheres da comunidade de Ouro Preto e região, além de pessoas LGBTQIAPN+, também podem contar com a assistência do projeto.

Saiba mais sobre a Ouvidoria Feminina da UFOP.

Deixar Um Comentário