Ouro Preto-MG avança para a Onda Vermelha, mas pede que turistas cumpram os protocolos sanitários

Denúncias de aglomerações podem ser feitas por meio do telefone (31) 35593244.

Início » Noticias » Ouro Preto-MG avança para a Onda Vermelha, mas pede que turistas cumpram os protocolos sanitários
Por João Paulo Silva Publicado em 03/05/2021, 14:00 - Atualizado em 03/05/2021, 14:00
Foto – Igreja de Nossa Senhora do Rosário dos Pretos. Crédito – Tino Ansaloni/JVA. Siga no Google News

A Prefeitura Municipal de Ouro Preto (PMOP) pede aos turistas que visitarem a Cidade Patrimônio Cultural da Humanidade que se conscientizem sobre as medidas de segurança impostas pelas autoridades de saúde em razão da pandemia do novo coronavírus. No último sábado (01/05), a macrorregião na qual o município está inserido, avançou da onda roxa para a onda vermelha do Programa Minas Consciente.

Com o avanço decretado pelo governo estadual, os meios de hospedagem poderão operar com 50% da capacidade. Bares, restaurantes e lanchonetes reabrirão seguindo os protocolos de biossegurança e distanciamento entre as mesas, não sendo permitida a circulação sem a utilização de máscaras. As minas de ouro também reabrirão para visitação, seguindo os protocolos definidos pelo programa estadual.

A administração municipal informa que apesar da queda no número da incidência da Covid-19 no Estado, os leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) da Santa Casa de Ouro Preto, que é o hospital de referência na microrregião, atendendo também Mariana e Itabirito, ainda permanecem com lotação máxima.

A gestão municipal ressalta que os protocolos sanitários (distanciamento, higiene das mãos e uso de máscara) devem ser seguidos à risca pelos turistas para preservar a vida da população. Lembrando que é proibida a circulação pelas áreas públicas da cidade sem o uso correto da máscara, conforme Decreto Municipal.

“Então, vamos recapitular: usem máscara, sanitizem as mãos, mantenham distanciamento das pessoas que não estão em seu grupo de viagem e respeitem os moradores. Seja um turista legal! Todos cuidando de todos para que as coisas melhorem o quanto antes e possamos recebê-los num futuro próximo com menos restrições!”.

Foto - Reprodução. Crédito - Divulgação/PMOP.

A exigência também vale aos moradores de Ouro Preto. Denúncias de aglomerações podem ser feitas por meio do telefone (31) 35593244.

Comentar com o facebook

Deixar Um Comentário