Academia Marianense de Letras, Ciências e Artes dará posse a duas neo-acadêmicas

Andreia Donadon Leal e Samylla de Cássia Ibrahim Mol ocuparão as cadeiras que têm como patronos Alphonsus de Guimaraens Filho e Dr. Gomes Freire de Andrade, respectivamente.

Início » Cultura » Academia Marianense de Letras, Ciências e Artes dará posse a duas neo-acadêmicas
Por João Paulo Silva Publicado em 27/11/2019, 11:44 - Atualizado em 27/11/2019, 12:01
Foto-As neo-acadêmicas Andreia Donadon Leal e Samylla de Cássia Ibrahim Mol. Crédito-Divulgação.

A Casa de Cultura – Academia Marianense de Letras, Ciências e Artes promove no próximo sábado, 30 de novembro, cerimônia de posse das neo-acadêmicas efetivas Andreia Donadon Leal e Samylla de Cássia Ibrahim Mol. O evento acontece a partir das 19h, na Rua Frei Durão, n. 84, Centro.

Foto-Convite da solenidade de posse. Crédito-Reprodução

Neo-acadêmicas

Andreia Donadon Leal – Cadeira 09         
Patrono - Alphonsus de Guimaraens Filho

Ex-aluna do curso de Letras da Universidade Federal de Ouro Preto (UFOP), Andreia Donadon Leal tomará posse na cadeira 9, cujo patrono é o escritor e jornalista Alphonsus de Guimaraens Filho.  Andreia é especialista em Artes Visuais: Cultura e Criação, mestre em Literatura pela Universidade Federal de Viçosa (UFV) e escritora.

É autora de 17 livros de crônicas, poesias, ensaios, contos, estórias infantis e juvenis e de 390 obras de arte. Além disso, venceu o Concurso Nacional Literário "Cidade de Manaus" com o livro Aldravismo: movimento mineiro do século XXI e recebeu o prêmio conjunto da obra, pela União Brasileira dos Escritores.

Samylla Mol – Cadeira 25  
Patrono – Dr. Gomes Freire de Andrade

A advogada e historiadora, Samylla Mol, tomará posse na cadeira de número 25, no mesmo dia. Samylla é advogada animalista. Trabalha na Secretaria de Meio Ambiente de Minas Gerais, no Santuário Paz e Bem e atua como professora universitária.

Casa de Cultura de Mariana

A Casa de Cultura de Mariana - Academia Marianense de Letras, Ciências e Artes, fundada pelo Professor e Jornalista Waldemar de Moura Santos em 28 de outubro de 1962 na cidade de Mariana, Minas Gerais, é uma associação civil de fins estritamente culturais, educacionais, científicos, artísticos e sociais, com duração ilimitada.

Foto-Casa de Cultura de Mariana-MG. Crédito-Reprodução/Facebook.

A Casa acolhe diversos movimentos culturais, que privilegiam as Artes e o artesanato local - fortemente apoiado pelo Movimento Renovador, que oferece variadas oficinas de aprendizagem.

Possui 40 membros acadêmicos em seu corpo efetivo. Obedece a Estatuto regularmente atualizado. Fazendo justiça à importância de sua atuação, a Casa de Cultura-Academia Marianense de Letras possui duas declarações de utilidade pública - estadual e municipal.

A professora Emérita da UFOP, Hebe Rola é a atual Presidente, que acolhe todos os movimentos acadêmicos e culturais de Mariana.

Comentar com o facebook

Deixar Um Comentário

Academia Marianense de Letras, Ciências e Artes dará posse a duas neo-acadêmicas2019-11-27T12:01:08-03:00

Send this to a friend