“Reinvente, com Lígia Mendes”: Endomarketing2018-09-25T16:27:44+00:00

“Reinvente, com Lígia Mendes”: Endomarketing

Início » Colunas » Reinvente, com Lígia Mendes » “Reinvente, com Lígia Mendes”: Endomarketing
Por João Paulo Silva Publicado em 25/09/2018, 15:39 - Atualizado em 25/09/2018, 16:27

Por Lígia Mendes

• Instrutora Master Mind grau META e Terapeuta Comportamental formada pelo Instituto de Albuquerque;
• Especialista em Ciências do Sucesso pela Napoleon Hill Foundation;
• Fisioterapeuta, formada pela UFVJM;
• Pós-graduada em Ergonomia, pela Universidade Fumec.

 

A cada dia mais pessoas me procuram solicitando palestras e treinamentos que tratam do tema ‘Endomarketing’. E muitas vezes, quando conversamos a respeito, percebo que algumas delas ficam surpresas com as vantagens de se trazer este conceito para o ambiente empresarial. Mas afinal, o que é endomarketing?

Endomarketing é um conjunto de estratégias de marketing interno da empresa, visando a aproximação do colaborador para a visão, missão e valores daquela instituição. É o desenvolvimento de uma cultura empresarial, na qual todos se sentem parte do processo e naturalmente se tornam divulgadores da marca para a sociedade. Se a empresa se torna admirada, com uma boa imagem na visão dos colaboradores, naturalmente há uma redução do turnover e teremos uma equipe mais motivada.

Imagine como seria bom se a sua equipe fosse comprometida, tivesse o desejo verdadeiro de contribuir com o crescimento da sua marca e tivesse paixão pelo que faz? Quais seriam os retornos que sua empresa alcançaria? Talvez este seja o seu grande sonho como líder!

A maioria dos empresários que eu conheço diz que o desafio atual é encontrar pessoas dispostas a “vestirem a camisa”, pessoas com “brilho nos olhos”, que chegam para o trabalho entusiasmadas e dispostas. Escuto ainda que “os tempos são outros”, que hoje em dia “ninguém quer nada com a dureza”. Estes conceitos podem ser verdades. Provavelmente este comportamento vem sendo agravado por questões culturais, políticas e econômicas do nosso país. Ou talvez, pela nova cultura educacional que vem sendo instalada. Não é o caso discutirmos isto agora. O que eu acredito verdadeiramente é que podemos construir um ambiente empresarial que desperte o desejo nas pessoas de construírem uma aliança de mentes em torno de um objetivo comum. Uma empresa admirada por ter uma equipe alinhada e comprometida.

Em um treinamento do MasterMind®, chamado Metagerenciamento, fazemos uma pesquisa com os diretores e gerentes presentes em sala. A pergunta feita é: o que te motiva a trabalhar todos os dias nesta empresa? Cada turma possui um resultado diferente, mas ao longo dos anos venho acompanhando as respostas, e posso dizer que o salário quase nunca está no topo da lista de prioridades. Sem dúvida é um ponto importante para cativar o funcionário. Mas não é o que faz a diferença. No topo das respostas encontramos: satisfação com o trabalho, reconhecimento, etc. Seria então endomarketing uma questão de liderança, certo?

Como tornar seu colaborador o maior divulgador de sua empresa?

Trago aqui quatro dicas preciosas para implantar este conceito em sua empresa.

1. Objetivo principal bem definido

As pessoas seguem quem sabe onde está indo. O primeiro passo é construir um objetivo claro para a sua empresa e fazer com que todos saibam que você está cuidando para que a empresa tenha um futuro próspero. Desta forma, eles sentirão segurança em apostar todas as fichas nesta oportunidade, acreditando que este pode ser o seu último emprego na vida. E se não sabemos para onde vamos, qualquer lugar serve. Não é verdade? Você apostaria suas fichas numa empresa que não tem um futuro definido?

2. Criar conceitos

É importante implantar uma filosofia, uma identidade para o seu negócio. E mais importante do que criar, é seguir esta filosofia. Se você quer que a sua empresa seja conhecida pela gentileza no atendimento, é fundamental que este comportamento parta do líder. E que esta postura também seja adotada mesmo quando não estiver no ambiente profissional. Isso se chama congruência. Ser o que diz. Se na empresa nos comportamos com cordialidade, e no trânsito gritamos e buzinamos ao menor sinal de descontentamento, nos tornamos incongruentes. Afinal, a ideia não é interpretar um personagem, mas construir uma filosofia baseada em valores, em verdades profundas. Você seguiria um líder que pede algo da equipe, mas se comporta da forma oposta?

3. Desenvolver uma personalidade agradável

Para a criação de relacionamentos duradouros existe algo que precisa ser constante: admiração! Perca a admiração por alguém e você perderá também o desejo de estar do lado dela. E uma das virtudes mais admiradas é a habilidade de ter uma personalidade agradável. As pessoas querem estar do lado de líderes gentis, leves e bem-humorados. Líderes atenciosos, que têm habilidade de chamar as pessoas pelo nome, que sabem ouvir e conseguem contornar situações de estresse com maestria. Ser rude para obtenção de respeito é um modelo de liderança bem ultrapassado. O respeito vem com a construção da admiração, conforme dito anteriormente. Você se considera uma pessoa agradável?

4. Ser um líder compartilhador

Quando algo dá errado na empresa, a responsabilidade é de quem? Do líder, certo? Sempre! E quando algo dá certo, o mérito é de quem? Do líder também? O mérito é de todos! O líder compartilhador é aquele que envolve as pessoas em seus projetos, que consegue fazer com que elas tenham sentimento de pertencimento com relação às ações e perspectivas dentro da empresa. Se a equipe consegue sentir que é fundamental para a obtenção do resultado, ela se sente parte do processo. E então, quando o sucesso vem, este é compartilhado com todos. E todos experimentam o sentimento de vitória! Você, como líder, cria um ambiente onde as pessoas desejam celebrar as conquistas da empresa como se fossem suas?

O desenvolvimento de uma liderança de alta performance é o ponto de partida para a construção de um endomarketing eficiente. A partir daí existe um leque de possibilidades no processo de criação de estratégias internas para criar envolvimento da equipe com sua marca. O erro de muitas empresas é acreditar que bonificações, salas de lazer, festa de aniversário ou placa de funcionário do mês podem conquistar o coração de um colaborador. Estes são apenas detalhes.

Comece aplicando estas quatro dicas, deguste um novo modelo de liderança e compartilhe comigo os resultados que você obtiver a partir destes conceitos. Terei o maior prazer em lhe responder. O e-mail para contato é mastermindinconfidentes@mastermind.com.br

Aguardo sua mensagem! Até o sucesso sempre!!

Comentar com o facebook

Deixar Um Comentário

Send this to a friend