Leia “Você merece ser feliz”, na coluna “O Reverso do Óbvio, por Sarah Tempesta

Início » Colunas » Leia “Você merece ser feliz”, na coluna “O Reverso do Óbvio, por Sarah Tempesta
Por João Paulo Silva Publicado em 27/05/2019, 08:36 - Atualizado em 04/07/2019, 23:29
Sarah Tempesta é bióloga, colunista no site Global Sustentável e está sempre em busca do reverso do óbvio.

A felicidade, parece algo distante, inatingível e contraditoriamente fugaz.

Mas não é verdade, a felicidade existe e é real.

O conceito sobre felicidade é individual, mas as pessoas insistem em massificar os sentimentos, as pessoas se sentem “seguras”, quando a aderência do sentimento coletivo é uma lei.

São tempos modernos, tempos desafiadores e testam a nossa capacidade de filtrar e conciliar as nossas vidas com as vidas das outras pessoas.

A dor não tem valor!

Não sinta dor, não se sinta culpado ou excluído de uma dinâmica social a qual apresenta e representa, pessoas quase perfeitas, e vidas em cartela de cores intensas, é cansativo esse processo de querer pertencer a algo ou a alguém. Pertença a si mesmo!

A vida dos outros por vezes, não é melhor que a sua. Mas podemos fazer das nossas vidas e da vida das outras pessoas uma engenharia de paz, acolhimento e simplicidade.

A felicidade é ser bom!

A bondade, tão escondida e entorpecida das desilusões em suas tentativas de reformar as nossas estruturas, ela a bondade existe, em quantidade certa dentro de nós e das pessoas, existe um momento em que percebemos o quanto somos bons, é quando perdoamos e incentivamos pessoas fúteis a se tornarem úteis!

Seja útil a si mesmo, seja útil para os outros. Observe que tendências sociais são passageiras, mas as estruturas das amizades bem construídas e de maneira delicada mantida, quando respeitamos os espaços e os anseios das pessoas, somos felizes.

Afaste – se de pessoas que não estão dispostas a mudar e constantemente se alimentam de intrigas e constroem lacunas, serram fileiras e destilam vaidade, este tipo de pessoa existe e normalmente são os “líderes” das massas levianamente felizes.

Seja bom, seja feliz. Felicidade é ser bom.

Comentar com o facebook

Deixar Um Comentário

Leia “Você merece ser feliz”, na coluna “O Reverso do Óbvio, por Sarah Tempesta2019-07-04T23:29:06-03:00

Send this to a friend