Chacina no Bairro Taquaral em Ouro Preto-MG assusta a população

10/01/2013 às 22:17 por Atualizado dia 10/01/2013 às 22:21

Curta no www.facebook.com/jornalvozativa
Siga no twitter.com/jornalvozativa

O telefone 190 da Polícia Militar foi acionado hoje, por volta de 13 horas, quando um morador do bairro Taquaral foi até a casa do vizinho, umas das últimas residências da Rua Águas Férreas, em local ermo, e constatou que ali havia acontecido um crime. O rapaz teria avistado o corpo de um homem na casa e com a chegada dos policiais, que adentraram no restante dos cômodos, viram mais dois corpos ensanguentados e com várias perfurações de tiros e de facadas. Um deles era de uma mulher que se fingiu de morta por várias horas, pois, segundo as primeiras informações o crime teria acontecido por volta de 6 horas. Ela agonizava coberta por um lençol e ao perceber a presença da PM, teria declarado apavoradamente quem seria o autor do crime por várias vezes, falando claramente o nome do assassino.

A perícia da Polícia Civil esteve no local e constatou a morte de Zaqueu, de 30 anos que já tem passagem pela polícia e cumprimento de pena por tráfico de drogas e de outro homem, de nome Alisson, conhecido pelo apelido de “Bolota”.

A mulher, de nome Iamara, que segundo informações preliminares da polícia teria levado três tiros e teve fratura exposta seria esposa de Zaqueu. Ela foi encaminhada pelos agentes do SAMU para a Unidade de Pronto Atendimento local e logo depois para o Hospital João XXIII, em Belo Horizonte.

Ainda segundo a PM, o assassino, pensando que as três pessoas estariam mortas, teria fugido sentido cidade de Mariana. Durante toda a tarde os Policiais Civis e Militares estavam à caça do suposto assassino e, segundo informações que acabam de chegar à nossa redação, o suspeito foi preso pelos agentes da Polícia Civil de Ouro Preto, na cidade de Mariana.

Enquanto fazíamos a apuração dos fatos e durante o fechamento da matéria, vários moradores da cidade, apreensivos, entraram em contato através de telefone e redes sociais no intuito de saber mais sobre o crime. Nossa redação aguarda o fechamento de Boletim de Ocorrência e Relatórios de trabalhos policiais para a apuração de mais informações, respeitando também o sigilo das investigações.

Comente com o facebook

2 comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>